App Sympla
Baixe agora

Teatro do Oprimido

Teatro Vila Velha - Salvador, BA
04 de fevereiro de 2019, 14h - 09 de fevereiro de 2019, 18h

Compartilhar:

Inscrição

R$ 0,00

Novembro
R$ 250,00  (+ R$ 25,00 taxa)
Pague em até 12x
Inscrições até 30/11/2018
Encerrado
Dezembro
R$ 300,00  (+ R$ 30,00 taxa)
Pague em até 12x
Inscrições até 31/12/2018
0
Janeiro
R$ 350,00  (+ R$ 35,00 taxa)
Pague em até 12x
Não iniciado

Descrição do evento

 

Teatro do Oprimido com Licko Turle

 

Dias de aula: 04 a 09 de Fevereiro de 2019

Horário: 14h às 18h

Público-alvo: atores, estudantes, pesquisadores e professores de teatro, agentes culturais e sociais comunitários, psicólogos etc.

 

 

Curso prático de introdução ao pensamento de Augusto Boal a partir da apresentação do método Teatro do Oprimido e suas diferentes técnicas como o Teatro-Imagem, Teatro-Invisível, Arco-Íris do Desejo, Jogos e Exercícios com ênfase na técnica do Teatro-Fórum. Ao fim do percurso os alunos e alunas participarão de uma mostra de processos das oficinas de verão e, posteriormente, poderão aplicar o conhecimento adquirido em suas comunidades, grupos teatrais, entidades, salas de aula, etc. Obs.: Solicitação de acompanhamento técnico-pedagógico posterior deve ser acordada com o professor diretamente.

Licko Turle

Ator, diretor e professor de Teatro. Em artes e citações bibliográficas, Licko Turle. Professor visitante no PPGAC da Escola de Teatro da UFBA (2017-18-19), foi professor residente no PPGAC da Escola de Teatro da UNIRIO (2011-2016). Licenciado em Letras pela UERJ, é mestre, doutor e pós-doutor em teatro (UNIRIO).  Criou em 1986, com Augusto Boal, o Centro de Teatro do Oprimido no Brasil. Oficializa, com Amir Haddad, em 1999, o Instituto Tá Na Rua. Autor de Teatro do oprimido e negritude (2015); Teatro de rua no Brasil - a luta pelo espaço público (2016). Coautor e organizador dos livros Teatro do oprimido e universidade (2016); Augusto Boal: arte, pedagogia e política (2013); O teatro de rua no Brasil - a primeira década do terceiro milênio (2010); e Tá na rua - teatro sem arquitetura, dramaturgia sem literatura, ator sem papel (2008). Vencedor dos prêmios: PROCENA (2004), FUNARTE Artes Cênicas nas Ruas (2009), FUNARTE Interações Estéticas (2012), Itaú Rumos Cultural (2014) e Arte Negra FUNARTE (2014). Como autor e diretor, trabalhou na Ásia, Europa, África, Américas Central e do Sul e no Brasil. Coordenou as 6ª Jornadas Internacionais Teatro do Oprimido e Universidade na UFBA em julho de 2018.

Bibliografia sugerida (não precisa ser comprada para fazer o curso): BOAL, Augusto - O Teatro do Oprimido e Outras Poéticas Políticas; Jogos para Atores e o Não-ator; Técnicas latino-americanas de teatro popular; Teatro Legislativo; O Arco-íris do Desejo; A Estética do Oprimido; GESTO. Teatro do Oprimido e Universidade: Arte, Pedagogia e Política; TURLE, Licko. Teatro do oprimido e Negritude; Revista Metaxis – Publicação do Centro de Teatro do Oprimido

 

Observações:

1. A oficina ocorrerá havendo o mínimo de 15 pessoas inscritas; 

2. Em caso de desistência após o início das oficinas, não haverá devolução do pagamento;

3. O certificado de participação será enviado por e-mail mediante presença dx alunx em, pelo menos, 75% dos encontros; 

4. O estacionamento de veículos no Passeio Público é permitido somente de segunda a sexta, das 17h as 22h, e aos finais de semana até as 22h.

 

Sobre o produtor

Comentários

Local

Teatro Vila Velha
Rua 7 de setembro, s/n, Passeio Público, Campo Grande
Salvador, BA

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.