App Sympla
Baixe agora

PAI 2018: os desafios da paternidade atual

O evento já encerrou...

Ver evento

explore outros eventos como esse

Evento encerrado

PAI 2018: os desafios da paternidade atual

Aldeia 445 - Rua Lisboa, 445 - Pinheiros - São Paulo, SP
25 de agosto de 2018, 08h30-18h30

Ingressos

Ingresso
R$ 137,00  (+ R$ 13,70 taxa)
Pague em até 12x
Vendas até 25/08/2018
Encerrado

Descrição do evento

Ficamos felizes demais da conta com a avaliação positiva de 93.8% do ano passado (% de pessoas que classificaram o evento como ótimo). E escutamos tudo que pediram pra melhorar:

  • aumentamos o tempo livre para interação entre os pais presentes
  • aumentamos o espaço de conteúdo prático, com dicas e estratégias de sobrevivência para os pais

Link Youtube | veja um pouco de como foi em 2017, nosso primeiro encontro

O encontro desse ano segue sendo somente para os pais. Esperamos pais de primeira viagem, pais experientes, avôs, todos são bem-vindos! 

Várias ações do PdH são mistas. Mas sentimos um pedido dos pais para que esse encontro fosse iniciado em 2017 focado só nos homens e que siga assim, por hora. Eventualmente isso pode (e tende a) mudar, é apenas o ciclo atual da conversa. Entretanto, teremos convidadas pra lá de especiais na grade de palestras.

Esse é um evento feito com o coração, na raça, para acolher homens que aspiram se tornar ou já são pais. É resultado de uma movimentação cada vez maior na comunidade do PapodeHomem — portal com mais de 11 anos de vida — e dos pedidos de ajuda que recebemos quase toda semana, de homens buscando referenciais sobre como lidar com a paternidade em nosso tempo.

(imagem do PAI 2017 | foto por Ismael dos Anjos)

Percebemos que há uma enorme carência de informação sobre paternidade, de homens falando para homens e trocando informações da mesma maneira com que as mães trocam. E foi aí que surgiu a ideia do evento.

O objetivo é contribuir para a criação de uma rede benéfica de pais, algo que vai beneficiar não só os próprios pais, como as mães, os filhos e as famílias como um todo. Queremos colocar em pauta discussões que às vezes ficam esquecidas sobre os obstáculos logísticos, afetivos, financeiros, emocionais que os homens também enfrentam.

(imagem das rodas de papo coletivas durante o PAI 2017 | foto por Ismael dos Anjos)

O evento acontecerá no dia 25 de agosto, sábado, das 8h30 às 18h30, no espaço Aldeia 445, em São Paulo, com falas sobre paternidade e dinâmicas ao longo de um dia inteiro.

Sua criança é bem-vinda! Vamos ter uma área de recreação oferecida pela @safety1stbrasil, com 2 cuidadoras, tapetes de atividades, massinhas, fantoches, contação de histórias, desenhos para pintar e brinquedos interativos para manter os pequenos entretidos e felizes. 

As falas serão compostas por palestras, vivências e rodas, em diálogo direto com os presentes.

Programação:

8h30 - 9h15: recepção e café da manhã

9h15: abertura

9h20 - 10h20: O que os grupos de pais podem aprender com os grupos de mães, com Rita Monte, Denize Ornelas e Rodrigo Cambiaghi

10h30 - 11h30: Dicas e estratégias de sobrevivência, de pai pra pai, com José Bueno, Victor Farat, Helio Gomes e Felipe Ramos

11h40 - 12h50: Dinâmica especial de aprofundamento com todos os pais, focada em dicas e estratégias para a paternidade

13h - 15h: Almoço livre

15h00 - 16h: Como fica a sexualidade do casal após a paternidade?, com Tiago Koch (Homem Paterno), Mariana Stock e Babi Thomaz

16h10- 17h10: Como a maneira que meu pai me criou influencia minha relação com meus filhos, com Ismael dos Anjos, Alexandre Yamaguti e Elam Lima

17h20 - 17h40: encerramento, agradecimentos e breve conversa sobre o PAI 2019!

17h40 às 18h30: confraternização!

O que grupos de pais podem aprender com os grupos de mães?

Rita Monte

Rita Monte é coach desde 2006, mas desde que seu filho nasceu em 2014 orientou seu trabalho apenas para mulheres - em especial, para as que se tornam mães. 

Trazer a mulher para o mesmo plano de prioridade que seu filho no processo de construção da maternidade é a principal necessidade que quis atender com seu trabalho. Ainda é ela quem recebe os maiores impactos da chegada de um filho/a: uma revolução que veio para ficar e que precisa de tempo, espaço, respeito e delicadeza para que seja aproveitada como potência. É por isso que criou o CGM - Coaching em Grupo para Mães, workshops e atendimentos individuais para mães de filhos de todas as idades terem um espaço estruturado para elaborar que mulher se tornaram com a maternidade, e para onde faz mais sentido seguir. 

Realizou, ao lado de Joana Blumenschein, o filme Força Matriz, sobre os impactos e possibilidades da maternidade na vida da mulher e de todas as suas relações. E realiza, ao lado de seu parceiro Victor Farat, workshops de escuta e diálogo entre casais que partilham a experiência de criar filhos.

Mais sobre a Rita em seu site pessoal.

Denize Ornelas


Mãe do Lucas e da Laura, médica de Família e Comunidade. É apaixonada pelas discussões de maternidade-paternidade ativas, valorização da infância e uso de redes sociais para construção de redes de apoio reais. Especialista em processos educacionais na Saúde, trabalha com educação de estudantes de medicina, jovens médicos e profissionais de Saúde. Desde que tornou mãe se dedica estudar numa perspectiva feminista e interseccional as temáticas de Raça, Gênero, Sexualidade, Diversidade e Direitos e suas relações com a Medicina. 

Rodrigo Cambiaghi


Pai da Clara, autor da coluna de Paternidade no Papo de Homem, já participou de projetos de paternidade envolvendo marcas como Cabify, Natura e Vicky onde defende que se envolver na criação dos filhos é uma das melhores formas do homem se transformar e colocar à tona o melhor de si.

Entre a família, os games, a moto, o cão e a música, trabalha profissionalmente com marketing digital, performance e mídia.

Dicas e estratégias de sobrevivência, de pai pra pai

Victor Farat

Victor Farat é pai do Ivo. Ilustrador e facilitador gráfico, entre seus mundos de pai, marido, dono-de-casa, empreendedor, se dedica também na condução de grupos e rodas de pais. Descobriu na paternidade um novo sentido de olhar para si mesmo e para o mundo.

Co-autor do livro “Bebegrafia” que retrata em quadrinhos a jornada de transformação do primeiro ano de vida de seu filho, aos olhos do pai cuidador. Atualmente participa do podcast quinzenal sobre paternidade ativa: Balaio de Pais (www.balaiodepais.com.br).

Helio Gomes


Pai da Elis, apaixonado pela Ana Clara e transformado em um novo homem pela paternidade. 

Helio está presente em alguns projetos voltados à paternidade e tenta dividir todas as descobertas que teve com esse novo ciclo de sua vida. 

É um dos fundadores do Podcast AfroPai, no Portal Paizinho, Vírgula!, que fala da experiência da paternidade vinculada ao cotidiano de uma pessoa negra nesse país. Integrante do podcast Balaio de Pais, um coletivo de pais que se reúne para conversas sobre o cotidiano paterno e publica essas conversas no formato podcast mensalmente.

Felipe Ramos



Co-fundador do PapodeHomem, Felipe é pai do Noah de 11 meses e escreve sobre paternidade no PdH. Com o PapodeHomem tem participado de projetos sobre a transformação das masculinidades e paternidade ativa em conjunto com inúmeras empresas pelo Brasil afora.

Como fica a sexualidade do casal após a paternidade?

Mariana Stock

Fundadora da Casa PrazerEla (recomendamos muitíssimo que conheçam). Em suas palavras:

"Comunicadora por formação, feminista e vegetariana por filosofia. Sociopsicóloga e psicanalista por vocação. Terapeuta orgástica por paixão. Trabalhei por 10 anos no mundo corporativo: emprego dos sonhos, carro do ano, casamento perfeito. Tinha tudo, mas não tinha o prazer de ser eu. Me separei, me demiti, me reencontrei. Hoje estudo o universo feminino e apoio mulheres a se empoderarem pelo caminho do prazer: prazer das nossas escolhas, do nosso corpo, da nossa alma. Prazer de ser mulher. Foi então que nasceu a Prazerela."


Babi Thomaz

Comunicadora, feminista e mãe de dois. Colunista da Marie Claire Brasil. Você também pode acompanhá-la pelo instagram.


Tiago Koch

Idealizador do maravilhoso projeto @homempaterno. Tiago é homem, pai e marido. Formado em Naturologia, desenvolve trabalhos individuais e em grupos oferecendo suporte e acompanhamento para homens durante o período gestacional e puerpério.

Por meio do Homem Paterno, realizou as "Vivências Insulares", uma experiência de conexão entre pais e filhos, na natureza.

Como a maneira que meu pai me criou afeta o modo como crio meus filhos

Elam Lima


Pai, ator, apresentador e um aprendiz da vida! Junto de sua esposa criaram o Canal no YouTube - Cuca de Pai Cachola de Mãe - Acreditam que através de uma criação consciente dos filhos podemos melhorar o mundo, e fazem desse processo o material de trabalho, já que é necessário o despertar dos pais para "guiar" os filhos no seu desenvolvimento. Trazem a informação compartilhando experiências através das Redes Sociais, Palestras e o Canal.

Ismael dos Anjos

Ismael dos Anjos é mineiro, jornalista e fotógrafo. Pai, integra o podcast Balaio de Pais. Atua no PdH Insights, braço de inteligência e pesquisa do PapodeHomem.

Acredita que uma boa história, não importa o formato escolhido, tem o poder de fomentar diálogos, humanizar, provocar empatia, educar, inspirar e fazer das pessoas protagonistas de suas próprias narrativas. Conheça suas belíssimas fotos pelo Instagram.

* * *

Mais imagens da edição 2017 do PAI:



Por fim, aos mais curiosos e interessados, aqui os registros em vídeo das palestras do ano passado. Desfrutem. :)

Sobre o produtor

Local

Aldeia 445 - Rua Lisboa, 445 - Pinheiros
Rua Lisboa, 445, Pinheiros
São Paulo, SP

Ver mapa

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.