App Sympla
Baixe agora

24º Curso de Extensão sobre Isótopos Estáveis e Radiogênicos

O evento já encerrou...

Ver evento

explore outros eventos como esse

Evento encerrado

24º Curso de Extensão sobre Isótopos Estáveis e Radiogênicos

Anfiteatro no 5º andar, Departamento de Geologia, CTG - Recife, PE
22 de julho de 2019, 09h - 06 de agosto de 2019, 12h

Ingressos

Único
R$ 30,00
em até 6x R$ 5,54
Vendas até 22/07/2019
Encerrado

Descrição do evento

 SESSÃO 1: Prof. Alcides Nobrega Sial

                    Dias: 22, 23 e 24 julho de 2019 (20 horas de aula)

Conteúdo: Isótopos estáveis: definição, fracionamento na natureza, aplicações a Geociências e outros ramos das Ciências. Isótopos de oxigênio na Hidrosfera e Atmosfera. Composição isotópica da água do mar, paleotermometria (carbonatos, silicatos, fosfatos), fracionamento de oxigênio em minerais formadores e rochas. Isótopos de oxigênio em rochas ígneas, metamórficas e sedimentares. Isótopos de carbono em rochas carbonáticas e carbonatitos. A quimioestratigrafia de 13C e de 87Sr/86Sr. Quimioestratigrafia de rochas carbonáticas, aplicações a geologia na América do Sul (correlações intra e interbacias, sequências Paleoproterozoicas e Neoproterozoicas: anomalia Lomagundi e “cap dolostones”). Isótopos de C e Sr e as anomalias isotópicas SPICE e SNICE (Cambriano) e MDICE, GICE e HICE no Ordoviciano. Isótopos de carbono e oxigênio e o limite K-Pg na América do Sul, Dinamarca, Itália e India. Quimioetrartigrafia, limites crono-estratigráficos e extinções em massa. Isótopos de oxigênio em rochas basálticas e graníticas. Espectrometria de massa de fonte gasosa e técnicas de extração de gases para análises isotópicas. Esta última parte será ministrada parcialmente pelo engenheiro da SENS Antonio Celso Jardim (São Paulo).

 

SESSÃO 2: Profa. Valderez Pinto Ferreira

                    Dia: 25 de julho de 2019 (7 horas de aula)

Conteúdo: Isótopos estáveis em processos ígneos e metamórficos (alta temperatura). Aplicações gerais aos sistemas granito e granodiorito. Fracionamento isotópico e difusão. Exemplos brasileiros (Província Borborema).

 

SESSÃO 3: Prof. Ramsés Capilla

                    Dia: 26 de julho de 2019 (6 horas de aula)

Conteúdo: Isótopos de carbono, deutério e enxofre em matéria orgânica e na geologia do petróleo.

Rocha Geradora - Ciclo do carbono, definição de rochas geradoras, tipos de rochas geradoras, definição de matéria orgânica; origem e composição da matéria orgânica; produtividade orgânica primária; Transformação da matéria orgânica - Diagênese; Catagênese; Metagênese; Evolução térmica da matéria orgânica: gráficos e diagrama van krevelen;  Correlação entre os indicadores de maturação térmica. Caracterização Geoquímica de óleos - Isótopos estáveis de carbono, deutério e enxofre; rocha, querogênio e gás natural. Exemplos de aplicações isotópicas; Fácies orgânicas e suas aplicações na caracterização de modelos deposicionais. Perfis geoquímicos e Exercícios.

Caracterização Geoquímica de gases - Origem; classificação e evolução térmica dos gases. Isótopos dos gases

SESSÃO 4:  Profa. Anelise Berttoti

                      Dias: 29 e 30 de julho de 2019 (12 horas de aula)        

Conteúdo: Fundamentos básicos de geocronologia (desintegração radioativa, forma de               emissão e os diversos sistemas em datação radiométrica. Principais sistemas isotópicos e aplicações às rochas ígneas, sedimentares e metamórficas: Rb-Sr, Sm-Nd, U-Pb e Lu-Hf. Comparação entre os principais equipamentos para análises de razões isotópicas: TIMS, SHRIMP, ICP-MS, (LA)-MC-ICP-MS (LA)-MC-ICP-MS:  introdução, funcionamento, métodos e aplicações: U-Pb, Lu-Hf sobre zircões, Lu-Hf sobre rocha total, Rb-Sr sobre carbonatos, U-Th em carbonatos Exemplos.

 

SESSÃO 5:  Prof. Silvio Roberto Farias Vlach

Dias: 31 de julho e 01 de agosto de 2019 (12 horas de aula)

 Conteúdo: Microssonda eletrônica (EPMA): técnicas analíticas e aplicações para a datação de minerais portadores de Th e/ou U. 1. Espectroscopia de raios X: dispersão de energia (ED) e de comprimentos de onda (WD). A microssonda eletrônica (EPMA). Tipos de análise: varreduras eletrônicas, mapeamentos composicionais, análises pontuais qualitativas, semi-quantitativas e quantitativas. Padrões, efeitos de matriz e redução de dados. Comparação entre EDS e WDS. Preparação de amostras. Resolução espacial, precisão e reprodutibilidade. Limites de detecção. Otimização de rotinas analíticas. Exemplos de aplicação. 2. Métodos de datação geocronológica. Fundamentos, premissas, aplicações e limites. O método químico Th-U-PbT em microssonda eletrônica. Bases conceituais, histórico e evolução do método. Minerais passíveis de datação. Comparação com métodos isotópicos. 3. Seleção e preparação de amostras. Estratégias analíticas. Imageamento. Análises quantitativas. Condições analítico-instrumentais, interferências espectrais e correções. Padrões e materiais de referência. 4. Tratamento de dados. Idades pontuais e modelos para populações homogêneas: médias ponderadas e isócronas químicas. Populações n-modais. Mapas de distribuição de idades. Exemplos de aplicação, enfatizando a resolução de problemas geológicos.

 SESSÃO 6: Prof. Virginio Henrique de Miranda Lopes

                     Dia: 02 de agosto de 2019 (6 horas de aula)

Conteúdo: 1. Catodo-luminescência (CL): princípios básicos; instrumentação comparativa; 2. aplicações geológicas: CL de zircão e texturas internas na avaliação de amostras para datação; 3. CL de carbonatos, especialmente calcita, e aplicações para a petrogênese de calcários e mármores; 4. CL de apatita, e controle sobre processos de beneficiamento de minérios; outras aplicações.

 

SESSÃO 7: Prof. Luiz Carlos Ruiz Pessenda

                     Dias: 05 e 06 de agosto de 2019 (12 horas de aula)

Conteúdo: o laboratório de carbono 14 do CENA; métodos de análise de amostras geoquímicas, método espectrométrico de cintilação líquida de baixo nível de radiação de fundo e síntese de benzeno para a datação C-14; precisão, exatidão e controle analítico; preparação de amostras inorgânicas e orgânicas para a análise de isótopos estáveis de C e N por espectrometria de massa; aplicações em estudos paleoambientais (clima, vegetação e dinâmica marinha) no Quaternário tardio no Brasil.

Sobre o produtor

Gerlany Lins

Secretária - Neg Labise Fone: 2126-8242

Local

Anfiteatro no 5º andar, Departamento de Geologia, CTG
Avenida da Arquitetura, S/N, Cidade Universitária
Recife, PE

Ver mapa

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.