Oficina Livre Direção de Arte para o Cinema

Escola de Cinema Darcy Ribeiro - Rio de Janeiro, RJ
27 de outubro de 2016, 16h30 - 08 de dezembro de 2016, 19h

Compartilhar:

Inscrição

Inscrição Antecipada
R$ 400,00  (+ R$ 40,00 taxa)
Inscrições até 14/10/2016
Encerrado
Inscrição Normal
R$ 500,00  (+ R$ 50,00 taxa)
Inscrições até 21/10/2016
Encerrado

Descrição do evento

Oficina compacta e dirigida a estudantes e profissionais, bem como aqueles que também que estejam interessados na matéria de Cenografia e Direção de Arte para Cinema. Será abordado o desenvolvimento de projetos de direção de arte e cenografia para um filme desde a concepção: as referências, a pesquisa, as construções de “links”, as locações, os croquis, os desenhos de execução, as fotos da construção em estúdio, e o set pronto para filmar. Também serão abordados os subdepartamentos, como o “set decoration”, o “set dressing”, e a contra regra de cena, o uso de materiais e os vários profissionais envolvidos na execução dos projetos. Esses encontros serão sempre acompanhados da projeção de trechos de filmes comentados por outros profissionais, sob o ponto de vista da construção visual da imagem.

Marcos Flaksman: é diretor de arte e cenógrafo para cinema, teatro, ópera e televisão e arquiteto. Realizou aproximadamente 90 espetáculos entre teatro e ópera. Assinou a Direção de Arte de mais de 35 filmes, entre elesBlame it on Rio, de Stanley Donnen, The Emerald Forest, de John Boorman, Moon Over Parador, de Paul Mazursky,Os Sete Gatinhos, de Neville D’Almeida, Xangô de Baker Street, de Miguel Faria Jr., O Veneno da Madrugada, de Ruy Guerra, Se eu fosse você 1 e 2Confissões de Adolescente de Daniel Filho, O Mistério de Irma Vap, de Carla Camurati, e Budapeste, de Walter Carvalho, os últimos filmes de Hugo Carvana, A Casa da Mãe Joana I e IINão se preocupe, nada vai dar certo. Recebeu diversos prêmios, entre eles o Prêmio Molière, Prêmio Mambembe, Prêmio da Associação Paulista dos Críticos de Arte, no teatro; e no cinema o Crystal Lens em Miami, Prêmio ABC de Cinema, Grande Prêmio da Academia Brasileira de Cinema, e o Troféu Candango do Festival de Brasília.www.flaksman.com.br


CENOGRAFIA – CONCEITOS GERAIS 

NO TEATRO

O espaço cênico e de licenças poéticas (convenções).

A atmosfera cênica / elemento ilustrativo

A cenografia a serviço da dramaturgia / direção (autoria)

Visão em permanente plano geral

A luz medida pelo olho

A presença do ator

O corte pela luz

 

NO CINEMA

Concepção geral da obra / atmosfera

O argumento

O roteiro

Análise de roteiro

Projeção de Shakespeare apaixonado e Capitão Tornado ( O teatro da Commedia dellÁrte e de Shakespeare

O olho através da lente.

A cor e a ausência de cor.

A imagem ótica projetada

A imagem digital/ a imagem luminosa/alta definição

O plano geral, o plano médio, o “close”.

A ampliação na projeção

Trecho de documentário (desenhando um filme 1)

A organização da produção: a formação da equipe

O plano de filmagem (participação da arte)

O trabalho fragmentado do ator

Os cortes na edição/montagem.

Inserção e correções de imagens em finalização

 

NA TELEVISÃO / WEB / Smartphones & outras janelas

A velha imagem de TV: luminosa e reduzida / Hoje: HDTV + tela do computador, smartphones.

O formato do quadro

A produção descartável e/ou ao vivo

O jornalismo, a novela, o seriado, o show, o “clip”: as formas de produção em vídeo

As ilhas de edição

 Trecho de documentário (desenhando um filme 2)

 

A  PRÁTICA NO CINEMA

O departamento de Arte: composição e definição de funções

Direção de Arte: inter-relação com direção, fotografia, efeitos (especiais, físicos e digitais), figurino e montagem – a concepção da obra:

Trecho de documentário (desenhando um filme 3)

Trecho de documentário (desenhando um filme 4)

O desenho da produção: locações, diurnas e noturnas, interiores em locação, “links”, desenhos para estúdio.

Locações

Cenários em estúdio

“Story-boards”

A organização do trabalho / análise técnica.

Escolha conjunta de filmes para vermos e comentarmos

 

O roteiro desta oficina não é rígido, e visa ser o mais abrangente possível, numa tentativa de proporcionar uma visão global da função de Direção de Arte. Haverá sempre um tempo reservado para a discussão, aberta a todos os temas relacionados, de uma forma ou de outra, com a matéria em questão.

As imagens do documentário mencionado (Desenhando um filme) incluem a participação de diretores, diretores de fotografia, figurinistas, além de imagens das produções que são comentadas.

Quintas: 27/10 a 08/12 (7 encontros)
Horário: 16h30 às 19h
Carga horária: 17h30
Pré-requisito mínimo: Ensino médio completo
Valor: R$ 400,00 até 14/10 – R$ 500,00 a partir de 15/10.

Sobre o produtor

Escola de Cinema Darcy Ribeiro

O Instituto Brasileiro do Audiovisual – IBAV é uma instituição sem fins lucrativos, criada em 1998 com o objetivo de promover a educação e a cultura através da formação profissional, do ensino e da pesquisa, visando o desenvolvimento e o fortalecimento do setor audiovisual no País.

Comentários

Local

Escola de Cinema Darcy Ribeiro
Rua da Alfândega , 5, Centro
Rio de Janeiro, RJ

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.