App Sympla
Baixe agora

Museus de ciência: a ciência nos Museus

O evento já encerrou...

Ver evento

explore outros eventos como esse

Evento encerrado

Museus de ciência: a ciência nos Museus

MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal - Belo Horizonte, MG
19 de setembro de 2019, 19h30-21h30

Ingressos

Ingresso Único
Grátis
Vendas até 19/09/2019
Encerrado

Descrição do evento

“Museus por dentro, por dentro dos museus” é o tema da 13ª Primavera de Museus, pautado pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM).

No dia 19 de setembro, às 19h30, o MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal receberá representantes de três museus de ciência de Belo Horizonte,  e o programa “Ciência em Movimento”, da FUNED, para a roda de conversa “Museus de ciência – A ciência nos museus”. A ideia é ter um espaço para que cada convidado possa contar ao público como é um museu de ciência por dentro, a história, a proposta museográfica, os projetos e os desafios de ser um museu de ciência! A roda de conversa vai contar com o Espaço UFMG do Conhecimento, com a diretora Diomira Maria, Museu Itinerante Ponto UFMG de Ciência e Tecnologia, com a idealizadora Tânia Margarida, o Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG , com o Prof. Antônio Gilberto Costa, e o programa Ciência em Movimento da FUNED, com a coordenadora Giselle Cotta. O MM Gerdau (museu de ciência e tecnologia) também participará com o mediador da conversa, Mateus Nogueira, mestrando do  programa de pós-graduação profissional da FaE/UFMG(Faculdade de Educação),  geógrafo pelo IGC/UFMG (Instituto de Geociências) e assessor de projetos e integrante da direção no MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal.

Sobre os convidados:

Antônio Gilberto Costa, geólogo pela Universidade Federal de Minas Gerais e Doutor em Ciências Naturais pela Universidade de Clausthal Zellerfeld, Alemanha, é, desde 1982, professor de Petrologia das Rochas Ígneas e Metamórficas do Curso de Geologia da UFMG. Atualmente, coordenada o Laboratório de Caracterização de Rochas com aplicação Industrial – LABTECRochas / CPMTC/UFMG e o Centro de Referência em Cartografia Histórica da UFMG. Foi coordenador da Rede de Museus da UFMG entre 2006 e 2013; e entre março de 2013 e agosto de 2019 dirigiu o Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG. A partir de 2001, organizou e é autor de várias obras com destaque para: Os Caminhos do Ouro e a Estrada Real (Prêmio Jabuti 2006); – Roteiro Prático d e Cartografia: da América portuguesa ao Brasil Império (Prêmio Jabuti 2008); As Rochas e Histórias do Patrimônio Cultural do Brasil e de Minas (2009) e Rochas Ígneas e Metamórficas Texturas e Estruturas (Finalista Prêmio Jabuti 2013). É membro da Sociedade Brasileira de Geologia e da European Geosciences Union.

Diomira Maria Cicci Pinto Faria, Diretora Científico-Cultural do Espaço UFMG do Conhecimento possui graduação em economia pela Universidade Católica de Minas Gerais (1982), especialização em planejamento pela Fundação João Pinheiro (1983) e estatística pela Universidade Federal de Minas Gerais (1998). Mestrado em turismo pela Universidad de Alicante, Espanha. Doutora em economia pela Universidade Federal de Minas Gerais, no doutorado de Economia do Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional – Cedeplar, e pela Universidad de Alicante, Espanha, com defesa de tese realizada em janeiro de 2012. Atualmente é professora adjunta do Departamento de Geografia da UFMG, líder do grupo de pesquisa ” Turismo, economia, cultura e território” e colaboradora do grupo “Economia da Cultura”, ambos do CNPq. Atua nas seguintes áreas: economia do turismo e da cultura, turismo e pobreza, viabilidade econômica de projetos e economia dos recursos naturais.

Giselle Cotta fez graduação em Ciências Biológicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais e mestrado em Zoologia de Vertebrados pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Experiência na área de Zoologia, atuando principalmente nos seguintes temas: serpentes, herpetologia, animais peçonhentos, educação ambiental, divulgação científica e desenvolvimento de materiais educativos e expositivos. Professora das disciplinas Diversidade Biológica, Zoologia III e Estágio Supervisionado na Universidade Presidente Antônio Carlos – UNIPAC no período de 2006-2009. Curadora e Coordenadora do Programa de divulgação científica “Ciência em Movimento”. Curadora da Coleção Científica de Serpentes da Fundação Ezequiel Dias. Vice Presidente da Rede Vital Para o Brasil.

Tânia Margarida Lima é professora Titular da UFMG, Doutora em Educação Matemática pela PUC/SP, Mestre em Educação Matemática pela Universidade Santa Úrsula/RJ, Especialista em Matemática Superior pela PUC/MG e Especialista em Formação de Agentes de Cultura Cientifica pela Organização dos Estados Ibero-Americanos – OEI. Líder de grupo de pesquisa no CNPQ e colaboradora de grupo de pesquisa no Centro Pedagógico da UFMG. Como gestora foi Vice-Diretora e Diretora do Centro Pedagógico em vários mandatos e Diretora Geral da Escola de Educação Básica e Profissional da UFMG – EBAP/UFMG. Atualmente é Vice-Diretora Geral da EBAP/UFMG. Idealizadora, criadora e curadora das exposições do Museu Itinerante Ponto UFMG de Ciência e Tecnologia. Foi Curadora na criação e implantação da Casa do Jardim de Mariana/MG. Idealizadora e coordenadora da Feira Brasileira de Ciência e Tecnologia dos Colégios de Aplicação e Institutos Federais – FEBRAT. Compõe a diretoria da ABCMC – Associação Brasileira de Centros e Museus de Ciência. Coordena dois Programas de Especialização da UFMG. Coordenadora Geral na UFMG do Programa de Desenvolvimento Profissional para docentes da Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte.

Sobre o produtor

MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal

O MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal, integrante do Circuito Liberdade desde 2010, é um museu de ciência e tecnologia que apresenta de forma lúdica e interativa a história da mineração e da metalurgia. Em 20 áreas expositivas, estão 44 exposições que apresentam, por meio de personagens históricos e fictícios, os minérios, os minerais e a diversidade do universo da Geociências. O Museu funciona de terça a domingo, das 12 às 18h, e na quinta, das 12 às 22h, entrada franca.

Local

MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal
Praça da Liberdade, s/n, Prédio Rosa, Funcionários
Belo Horizonte, MG

Ver mapa

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.