App Sympla
Baixe agora

Coreografias de Papel

O evento já encerrou...

Ver evento

explore outros eventos como esse

Evento encerrado

Coreografias de Papel

Teatro do Goethe-Institut Salvador Bahia - Salvador, BA
15 de junho de 2019, 16h-20h

Ingressos

Desastro (16h) - INTEIRA
R$ 20,00  (+ R$ 2,50 taxa)
Pague em até 12x
Vendas até 15/06/2019
Encerrado
Desastro (16h) - MEIA
R$ 10,00  (+ R$ 2,50 taxa)
Pague em até 12x
Vendas até 15/06/2019
Encerrado
Demolições (La Petite Mort) (19h30) - INTEIRA
R$ 20,00  (+ R$ 2,50 taxa)
Pague em até 12x
Vendas até 15/06/2019
Encerrado
Demolições (La Petite Mort) (19h30) - MEIA
R$ 10,00  (+ R$ 2,50 taxa)
Pague em até 12x
Vendas até 15/06/2019
Encerrado
Combo Desastro + Demolições - INTEIRA
R$ 30,00  (+ R$ 3,00 taxa)
Pague em até 12x
Vendas até 15/06/2019
Encerrado
Combo Desastro + Demolições - MEIA
R$ 15,00  (+ R$ 2,50 taxa)
Pague em até 12x
Vendas até 15/06/2019
Encerrado

Descrição do evento

Transpondo criações coreográficas da Bahia para livros-objetos que despertem o interesse da infância e juventude, o projeto “Coreografias de Papel” lança, no dia 15 de junho, no Goethe-Institut Salvador-Bahia, as duas publicações que iniciam esta coleção. “Astroneto: dança no espaço” e “Pequena Coleção de Insignificâncias” terão seu lançamento em evento que começa e termina com apresentações dos espetáculos que os inspiraram: “Desastro”, de Neto Machado, com sessão às 16h, e “Demolições (La Petite Mort)”, de Thiago Cohen, às 19h30. Entre uma peça e outra, às 17h, será hora de celebrar as escritas dançantes, editadas pela Conexões Criativas, braço editorial da Dimenti Produções Culturais.

 

“Coreografias de Papel” é coordenado pelos coreógrafos Neto Machado e Jorge Alencar, vinculados à Conexões Criativas, e pela TANTO - criações compartilhadas, formada pelos artistas-designers-arquitetos Daniel Sabóia, Fábio Steque e Patricia Almeida. Através de uma convocatória pública para autores de obras de dança da Bahia, Thiago Cohen foi integrado ao projeto. Coletivamente, eles definiram formas de traduzir o universo das obras cênicas para publicações que testam maneiras de coreografar quem está lendo, como possíveis matrizes de movimento. No resultado, os livros-objetos surpreendem em forma e conteúdo, explorando textos, elementos gráficos, texturas, tintas, costuras e montagens de maneira plástica e narrativa.

 

“Coreografias de Papel” foi contemplado pelo Edital Setorial de Dança, tendo apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda, Fundação Cultural do Estado da Bahia e Secretaria de Cultura da Bahia.

 

“Desastro” e “Astroneto: dança no espaço” – Criado em 2012, “Desastro”, de Neto Machado, é um espetáculo de arte contemporânea para pré-adolescentes e adolescentes – mas também para adultos nostálgicos. A peça tem na trilha sonora o ponto de partida e questão fundamental: “Space Oddity”, música de David Bowie, inspira o roteiro e dá o tom de toda a cena, que recria a aventura de Major Tom, da letra da canção, em sua viagem ao espaço e tentativa de explorar o desconhecido. Em “Desastro”, os efeitos especiais e o universo espacial, que são geralmente construídos com uso de muitas tecnologias digitais, são feitos de forma analógica, como uma brincadeira. O interruptor da parede cria o strobo, a luz fria dá cor ao ambiente e os pequenos pisca-piscas de natal pelo chão abrem diversas possibilidades. Em cena, Neto Machado divide o palco com Bernardo Stumpf, Isaura Tupiniquim, Jorge Alencar e Jorge Oliveira, para fazer dança, mas não exatamente uma coreografia com passos no ritmo da música. Também para fazer teatro, mas sem uma história com início, meio e fim. Até para fazer um concerto de rock’n roll, mas sem banda nem cantor. Ground control to Major Tom. O livro originado desta obra, “Astroneto: dança no espaço”, não ensina passos, mas estimula o movimento numa aventura sideral – que brilha no escuro!

 

“Demolições (La Petite Mort)” e “Pequena Coleção de Insignificâncias” – Solo de Thiago Cohen, “Demolições (La Petite Mort)” fala dos momentos em que uma pessoa tem que derrubar pedaços da vida, cortar laços, romper para construir. Acabar algo para começar de novo. E esta ação tem muito a ver com o tempo – destruir em um segundo o que levou anos para ser construído, mas que já não serve mais, passando por cima da nostalgia pelo velho e enfrentando de cara o medo do novo. O livro-objeto resultante desta criação se depara com um primeiro desafio: a peça não foi feita para o público infantojuvenil, e a transposição buscou de seu conteúdo inspiração para o diálogo com essa plateia. Numa caixa cheia de surpresas, palavras se encaixam e desencaixam para montar um livro de poemas que se despedaçam, se espalham pelo espaço e pelos corpos, no desejo de criar uma coleção de experiências poéticas diferentes para cada criança.

 

LANÇAMENTO COREOGRAFIAS DE PAPEL

Quando: 15 de junho de 2019 (sábado)

16h00: Espetáculo “Desastro”

17h00: Lançamento Astroneto: dança no espaço” e “Pequena Coleção de Insignificâncias”

19h30: Espetáculo “Demolições (La Petite Mort)”

Onde: Goethe-Institut Salvador-Bahia (Av. Sete de Setembro, 1809 – Corredor da Vitória)

Quanto:

Ingresso para cada espetáculo: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Combo de ingressos para os dois espetáculos: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)

Cada livro: R$ 40

Combo dos dois livros: R$ 70

Canhoto de ingresso garante R$ 10 de desconto em compra de livros

Classificação indicativa: Livre




MEIA ENTRADA

 

"Coreografias de Papel" cumpre a Lei Federal 12.933 de 29/12/2013, que dispõe sobre o benefício do pagamento de meia-entrada.

 

·         A concessão do direito ao benefício da meia-entrada é assegurada em 40% do total dos ingressos disponíveis para o evento.

 

·         A comprovação do benefício de meia-entrada é obrigatória para aqueles que gozam deste direito, sendo aceitos exclusivamente os seguintes documentos:

 

o   Estudantes

§  Carteira de Identificação Estudantil (CIE).

o   Idosos maiores de 60 anos

§  Documento de identificação oficial com foto.

o   Pessoas com deficiência

§  Cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da pessoa com deficiência ou documento emitido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que ateste a aposentadoria de acordo com os critérios estabelecidos. 

§  Quando a pessoa com deficiência necessitar de acompanhamento, ao seu acompanhante também se aplica o direito ao benefício.

o   Jovens de baixa renda: pessoa com idade entre 15 e 29 anos que pertence a família com renda mensal de até dois salários mínimos, inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico)

§  Identidade Jovem acompanhada de documento de identificação oficial com foto.


Sobre o produtor

Local

Teatro do Goethe-Institut Salvador Bahia
Avenida Sete de Setembro, 1809, Vitória
Salvador, BA

Ver mapa

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.