App Sympla
Baixe agora

CHALLENGE DE ENDURO FIM MOTO 2019

O evento já encerrou...

Ver evento
Evento encerrado

CHALLENGE DE ENDURO FIM MOTO 2019

Hotel Fazenda Santa Helena - Simão Pereira, MG
26 de outubro de 2019, 08h - 27 de outubro de 2019, 16h

Ingressos

Inscrição
R$ 145,00  (+ R$ 14,50 taxa)
em até 12x R$ 16,50
Vendas até 25/10/2019
Encerrado
Total
R$ 0,00

Descrição do evento

CHALLENGE ENDURO FIM 2019

 REGULAMENTO GERAL BÁSICO 

ART.01-PARTICIPAÇÃO NO CIRCUITO:


A. Para participar do CHALLENGE ENDURO FIM 2019 será obrigatório o uso de motos específicas de Enduro; caso a moto não seja específica, a mesma deverá estar de acordo com este regulamento;

B. De acordo com o Código Brasileiro de Trânsito fica proibida a participação de menores de idade na prova.


D. É de responsabilidade do piloto e/ou responsável qualquer consequência de seus atos ou ações, tanto civil ou criminalmente.


ART.02 – CLASSIFICAÇÃO DA PROVA

 

A. Será declarado o vencedor o piloto que fizer o menor tempo na soma das  especiais disputadas em 4 voltas, sendo a primeira volta de reconhecimento e não valendo o tempo.


ART.03 – DEVERES DO PILOTO: É dever de todos os pilotos manter o mais alto espírito desportivo para com os demais concorrentes, antes, durante e após a competição além de respeitar todas as disposições constantes no presente regulamento e seus adendos, bem como as disposições do Código Brasileiro de Desportos, Código Brasileiro de Motociclismo e Código Nacional de Trânsito. A documentação do piloto / moto é de única e exclusiva responsabilidade do participante.


04. Ao assinarem a ficha de inscrição, os pilotos eximem a CBM, a FMEMG, o clube organizador, os promotores e patrocinadores da prova, de toda e qualquer espécie de responsabilidade por danos que venha a causar a terceiros e ou a si próprio, antes, durante e após o desenrolar da competição. As inscrições serão limitadas e definidas no regulamento suplementar.


ART.07 – CIRCUITO
A. A pista deverá ser praticável em qualquer tipo de tempo, para motocicletas off-road;
C. O tempo total para um dia de competição não poderá exceder sete horas e trinta minutos.


ART.08 – PERCURSO / MARCAÇÃO
A. O percurso deverá ser marcado por setas indicativas de direção, sinal de confirmação de percurso, sinal de direção errada, tinta spray e bumpings.


B. Em áreas de difícil marcação, poderão ser colocados bumpings indicativos do caminho.


D. Os pilotos devem seguir rigorosamente as leis de trânsito, nas áreas em que a prova transcorrer, sob pena de PENALIZAÇÃO E/OU DESCLASSIFICAÇÃO.

 

ART.09 – CATEGORIAS: CHALLENGE ENDURO FIM 2019 será disputado em 12 (doze) categorias:

E1, E2, E3, EJ, E4, 230, E35, E40, E45, E50, EA, EF


A. A organização deverá fornecer números adesivos exclusivos da prova.

 
ART.10 – CLASSIFICAÇÃO: Cada piloto acumula o tempo do somatório dos testes especiais válidos, inclusive as frações de segundos (definidos pela cronometragem) somadas a todas as possíveis penalidades. Sendo assim, chegamos a uma pontuação e conseqüente classificação em ordem crescente de pontos para a etapa. PREMIAÇÕES: Serão entregues, no mínimo, troféus do 1º ao 5º lugares de cada categoria.



ART.14 – PROCEDIMENTO DE LARGADA
A. No dia da prova, os pilotos podem fazer o reconhecimento da pista até meia hora antes da hora de largada do piloto 1.(somente uma volta)
B. Seguindo a ordem de largada, o piloto deve se dirigir a linha de largada e aguardar a autorização do responsável pela largada anotará o tempo no local determinado pela Direção da Prova.
C. A largada da primeira volta será em ordem numérica e as voltas seguintes de acordo com a estratégia de cada piloto.
D. Se o piloto chegar a linha atrasado para a largada da primeira volta caberá ao responsável pela largada encaixa-lo entre os próximos a largar.


ART.15 – ORDEM DE LARGADA
A. De acordo com a ordem de inscrição na categoria.
D. A largada será de 1 em 1 piloto por minuto, sendo que este intervalo pode ser de 2 em 2 minutos, se devidamente justificado e aprovado pela comissão organizadora.

ART.16 – CONTROLES HORÁRIOS (CHs)

A. No inicio e no final dos testes deverá haver uma placa dizendo INICIO e FIM dos testes.

ART 17 – CONTROLE DE PASSAGEM (CP’s)
O CP é um ponto definido pela organização colocado nos deslocamentos e nas especiais da prova e confirma a passagem do competidor, serão quantos o organizador julgar necessários e colocados em pontos estratégicos definidos pelo mesmo. Caso o participante não passe pelo caminho, ou mesmo por um caminho diferente ao estabelecido pelo organizador ele será PENALIZADO EM 10 MINUTOS por CP pedido. Caso o piloto corte caminho dentro da especial ele poderá ser penalizado com a perda de um CP de acordo com definição da Direção de Prova.
ART 18 – CRONOMETRAGEM
1. A Cronometragem deverá ter no mínimo uma precisão de décimos de segundos e o horário de GPS devera ser o horário oficial padrão.


ART.19 – INFRAÇÕES E PENALIZAÇÕES

– Por Controle de Passagem (CP) que o participante não passou – 10 minutos;
– Tumultuar a largada das especiais – 01 minuto


ART.20 – DESCLASSIFICAÇÃO: são motivos passiveis para desclassificação:

A. Trocar de motocicleta entre as especiais da prova;
B. Transportar combustível dentro de outro recipiente que não seja o reservatório de gasolina.
C. Não desligar o motor durante o reabastecimento;
D. Pilotar fora do caminho definido ou em sentido contrário;
E. Não observar leis de trânsito, OU PENALIZAÇÃO ESTABELECIDA NO REG COMPLEMENTAR;
F. Entregar os GPS para apuração após o horário estipulado (14:00hs)


ART.21 – Depois que o piloto passar na bandeira de abertura da especial ele não poderá voltar em sentido contrario da prova para fazer manutenção na moto, estando sujeito à desclassificação da prova. Sob pena de penalização de 30 (trinta) minutos.
ART.22 – ABANDONO: Todo piloto que abandonar a prova deverá retirar seus números e não poderá seguir o percurso em companhia ou na proximidade de um outro piloto. Toda infração a esta regra poderá acarretar na desclassificação dos pilotos que acompanharem.
ART.23 – PROTESTOS
A. Os protestos contra pilotos, motocicletas e atitudes anti desportivas deverão ser feitos por escrito pelo piloto ou chefe de equipe e entregue ao Diretor de Prova, até 30 min. após a chegada do último piloto de sua categoria.
B. Protestos contra resultados deverão ser feitos por escrito pelo piloto e entregues ao Diretor da Prova até 30 min. após a divulgação do resultado.
C. Todos os protestos devem ser individuais, ESPECÍFICOS POR ITEM e acompanhados de uma taxa no valor de R$ 100,00 (cem reais).
D. Os protestos serão avaliados pelo Júri da Prova; caso da procedência o valor será devolvido ao reclamante, caso contrário, reverterá a favor da Comissão Organizadora.
E. Não cabem protestos contra decisões das autoridades da prova.
<!--[if !supportLineBreakNewLine]-->
<!--[endif]-->

ART.25 – Casos Omissos
Casos omissos ou qualquer duvida inerente a este regulamento será interpretado pelo Diretor de Prova, e no mínimo 2 pilotos. A decisão e/ou interpretação tomada por este colegiado devera ser incorporada este regulamento.

Sobre o organizador

Local

Hotel Fazenda Santa Helena
BR 040, 100
Simão Pereira, MG

Ver mapa

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.