App Sympla
Baixe agora

3º PAPO INTERLIGADO - Rede Colaborativa de Produção Cultural

O evento já encerrou...

Ver evento

explore outros eventos como esse

Evento encerrado

3º PAPO INTERLIGADO - Rede Colaborativa de Produção Cultural

Centro Nacional de Referência em Empreendedorismo, Tecnologia e Economia Criativa - São Paulo, SP
19 de agosto de 2019, 18h-19h30

Inscrição

Participação ONLINE 
Grátis
Inscrições até 19/08/2019
Encerrado
Participação PRESENCIAL 
Grátis
Inscrições até 19/08/2019
Encerrado

Descrição do evento

3º Papo Interligado

BLOCKCHAIN NAS ARTES

Criptomoedas da cultura- Registro, comércio e documentação

Propriedade intelectual -  Autenticação de obras de arte

 

As artes estão sofrendo uma série de intervenções, passando por altos e baixos por causa do mercado, das mudanças mundiais e das políticas. Uma das mudanças que vem causando maior interesse e criando negócios é a tecnologia do Blockchain.

Esta tecnologia auxilia na criação das criptomoedas que já estão também na área da cultura como a CULTURAL PLACES  que é a primeira plataforma holística no setor cultural que conecta visitantes, instituições, artistas, criadores de conteúdo e doadores remunerando as interações.

A tecnologia possibilita o registro e a documentação de músicas, literatura e outras produções. Pode ser responsável por resguardar a propriedade intelectual. Permite a autenticação, comercio e rastreamento de obras de arte.

Num dos encontros do setor em 2018, 0 Ethereal Summit, uma conferência global sobre a tecnologia blockchain, a arte teve um papel de destaque e ao final foi realizado um leilão online ao vivo, através da tecnologia em questão.

A plataforma blockchain Maecenas se associou à galeria londrina Dadiani Fine Art para oferecer participações fracionárias na obra 14 Small Electric Chairs de Andy Warhol (1980). 31,5% do trabalho de Warhol subiu para venda em criptomoedas, incluindo Bitcoin e Ethereum. O valor total em dólares da parte da criptografia do trabalho foi de US $ 5,6 milhões. Foi um marco para a arte e a tecnologia. A galeria Dadiani realiza transações financeiras com criptomoedas desde 2017.

As possibilidades e a disrrupção desta nova tecnologia atinge e resolve problemas com segurança, fraudes, falta de agilidade, proteção à propriedade intelectual para as artes, as produções criativas. E é sobre essas possibilidades que vamos discutir nesse evento. 

 

PARTICIPANTES:

 

Convidado: Thor Moura - músico, empreendedor e educador. Iniciou seus estudos de música aos 10 anos e desenvolveu sua formação em instituições como Souza Lima, EMESP e Santa Marcelina, onde fez graduação e pós-graduação em música. Músico talentoso, criativo, ativo, disciplinado, espiritualizado, com forte perfil de liderança e trabalho em equipe. Apaixonado por arte, consciência e tecnologia, desenvolve pesquisas na relação entre música, tecnologia e seus impactos na maneira como a ouvimos, produzimos e executamos. Atualmente toca nas bandas Bolero Freak e Mano Unica, lidera a startup de music tech Sling Musical e participa de palestras e debates sobre música e tecnologia em festivais de tecnologia, inovação e criatividade como Hacktown e Campus Party.

 

Convidado: Pedro Victor Brandão (*1985, Rio de Janeiro) é artista visual. Ele é graduado em Fotografia pela UNESA (Rio de Janeiro, 2009), atendeu aos cursos livres da EAV Parque Lage (Rio de Janeiro, 2006-2010 e 2015); e à Universidade de Verão no Capacete (Rio de Janeiro, 2012). Desenvolve séries de trabalhos considerando diferentes paisagens políticas em pesquisas sobre economia, direito à cidade, cibernética social e a atual natureza manipulável da imagem técnica. Apresentou as exposições individuais Forjada e Outras Formas (Portas Vilaseca, Rio de Janeiro, 2019), Tela Preparada (Sé, São Paulo, 2016), e Pintura Antifurto (Casa França-Brasil, Rio de Janeiro, 2011), entre outras. Participou de várias exposições coletivas, entre elas Take Me (I’m Yours) (Villa Medici, Roma, 2018), Vivemos na melhor cidade da América do Sul (Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, 2017), DURA LEX, SED LEX (Centro Cultural Parque de España, Rosario, 2017), Estudos sobre o mercadismo (Casa Tomada, São Paulo, 2016) e Novas Aquisições 2012/2014 – Coleção Gilberto Chateaubriand (Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, 2014). Como artista residente participou do Pivô Arte e Pesquisa (São Paulo, 2018), Residência Artística FAAP (São Paulo, 2017), Lastro Centroamérica (Cidade do Panamá, 2015), Z/KU – Zentrum für Kunst und Urbanistik (Berlim, 2014), Terra UNA, (Liberdade, 2013) e Cité Internationale des Arts (Paris, 2012). Vive e trabalha no Rio de Janeiro. Seu trabalho é representado pelas galerias Portas Vilaseca (Rio de Janeiro) e Sé (São Paulo).

 

Convidado: Marcelo Fernandes da MyWrites - Plataforma online que usa tecnologia Blockchain torna gratuito o registro de direito autoral para escritores, compositores, letristas e poetas. Lançada em março de 2019, MyWrites.co oferece alternativa inovadora e prática ao método convencional e democratiza o cenário artístico mundial.

MyWrites é uma startup digital cujo propósito é democratizar o cenário artístico e fomentar a criatividade. A plataforma é uma iniciativa de Marcelo Fernandes, arquiteto de softwares e Roberta Maldonado, cantora e mestre em educação, brasileiros residentes na Espanha e aficionados por inovações disruptivas.

 

MEDIADORES

Alex Rodrigues – Produtor Independente. Nascido em 27 maio de 1995, atualmente cursando Pós-Graduação em Gestão de Projetos Culturais no Celacc USP. Formado em Artes Visuais na Centro Universitário Ítalo Brasileiro e Assistente de Produção Cultural pelo Senac Lapa Scipião. Realizou trabalho voluntário na Escola da Família com Oficinas para Jovens em 2018. Instagram: @Centelhadapoesia com poesias autorais.

 

Marília de Lima - Administradora especialista em eventos e projetos. Gestora de Turismo - FGV. Pós-Graduada em Gestão de Projetos - SENAC. Trabalha como gestora de projetos, produtora cultural, consultora, captadora de recursos, professora, mentora e palestrante. Atua no setor há mais de 28 anos. Empreendo desde os meus 18 anos. Áreas do turismo, eventos, projetos, marketing, cultura, economia criativa, setor 2.5 e terceiro setor. É idealizadora e gestora da startup ECOOA Cursos que é quem promove o Papo Interligado.

 

APRESENTAÇÃO:

Marta Cesar – Bailarina e advogada. Tem uma larga experiência em projetos, produções internacionais e atendimento a diversos setores da área cultural. É consultora na área cultural, trabalha com elaboração, formatação e captação de recursos para projetos culturais há mais de 20 anos. Fez carreira artística como bailarina tendo integrado o Balé da Cidade de São Paulo até 1994. É uma das idealizadoras, curadora e produtora do MÚLTIPLA DANCA- Festival Internacional de Dança Contemporânea que realizou 10 edições em Florianópolis, referência no universo da dança contemporânea. Foi gestora e fazia a coordenação de equipamentos culturais da Fundação Cultural de Florianópolis por 3 anos. Trabalhou com eventos e equipes das mais variadas linguagens artísticas.

 

CAPTAÇÃO DE SOM, EDIÇÃO E PRODUÇÃO DO PODCAST "PAPO INTERLIGADO" - Marcelo Abud do Peças Raras. 


*********************************


O QUE É O PAPO INTERLIGADO? ENCONTROS MENSAIS ENTRE CRIATIVOS DA CULTURA

A proposta é realizar encontros mensais entre criativos da área cultural para discussão de temas em comum que estão interligados independentemente do segmento de trabalho na área.

Música, Dança, Teatro, Cinema, Literatura, Artes Plásticas, Design, Patrimônio, Turismo Cultural e outros tem como temas comuns: direito autoral, empreendedorismo, redes sociais, divulgação, conhecimento, tecnologias e outros assuntos. A produção cultural. 

 

Estamos na 4ª Revolução Industrial, na revolução da informação. É fato que os empregos formais estão acabando. Segundo pesquisa do SEBRAE, 4 em cada 10 pessoas já têm seu negócio, seu empreendimento e foi registrado o maior índice de crescimento nos últimos anos. Grande parte dos novos empreendimentos estão ligados à economia criativa. São negócios colaborativos, criativos, cooperativos, interligados. A inteligência, o pensamento, a criação nunca foram tão importantes.

Temos uma possibilidade infinita, mas somos carentes de informação, de profissionalização. Precisamos nos fortalecer. Os encontros serão um ponto de encontro para network, troca de conhecimentos e informações, novas ideias, novas possibilidades. Os encontros acontecem presencialmente. A continuidade do contato e a trocas entre a rede continua em outros momentos, principalmente online. Somos uma grande fonte de informação, pesquisa, dados e criação de novos negócios.

 



Sobre o produtor

ECOOA Cursos

Como o próprio nome sugere, ECOOA é uma escola que funciona para ecoar conhecimentos para o empreendedorismo na área da PRODUÇÃO E GESTÃO CULTURAL. Aqui tentamos criar um grande celeiro de conhecimento para as áreas da cultura, arte e arte educação, sustentabilidade, economia criativa, turismo, terceiro setor e muitos outros. Trabalhamos com cursos presenciais e online. Nossa proposta é levar nossos cursos para todos os cantos pois conhecimento tem que circular. - Idealizado por Marília de Lima

Local

Centro Nacional de Referência em Empreendedorismo, Tecnologia e Economia Criativa
Avenida Rio Branco, 1269, Campos Elíseos
São Paulo, SP

Ver mapa

Login

Esqueceu sua senha? Clique aqui.

Recuperar senha

Confira seu e-mail

O endereço indicado receberá um e-mail com instruções de como criar uma nova senha.

Criar conta

Ao me cadastrar, concordo com os Termos de uso e Política de privacidade da Sympla

Confira seu e-mail

Acesse seu e-mail e clique no link de confirmação.